terça-feira, 27 de outubro de 2015

Festival Bruce Lee | 75 Anos traz o maior mito mundial das artes marciais de volta as telonas

Realizado pela Sato Company, em parceria com o Espaço de Cinema, o evento exibirá cópias DCP novíssimas de alta resolução, totalmente remasterizadas, num padrão de qualidade jamais visto antes nos filmes de Bruce Lee. Será a primeira vez que ouviremos nos cinemas brasileiros a voz original de Bruce Lee.

Nunca houve – nem haverá – um mito tão reverenciado e cultuado nas artes marciais que Bruce Lee. Ator, roteirista, diretor, coreógrafo e criador da revolucionária arte marcial Jeet Kune Do, Bruce Lee completaria 75 anos no próximo dia 27 de novembro. 
Para comemorar a data, a Sato Company realiza o Festival Bruce Lee | 75 Anos, com a exibição em cópias novas, totalmente remasterizadas, dos quatro mais importantes longas metragens do ídolo, um documentário, além de uma exposição inédita e da realização de uma mesa de debates sobre cinema, comunicação e artes marciais. 
Serão oito capitais brasileiras que exibirão cópias novas, restauradas e em suas versões originais (com áudio em mandarim e cantonês) de todos os filmes mais importantes de Bruce Lee, onde ele atua verdadeiramente como protagonista. São eles: O Dragão Chinês, A Fúria do Dragão, O Voo do Dragão e Jogo da Morte (fichas técnicas no final do release). Haverá também a exibição do raro documentário Bruce Lee em Suas Próprias Palavras, de John Little. 
Em São Paulo, exposição inédita no Brasil com dezenas de pôsteres, fotos promocionais e stills da época, além de reproduções de capas de revistas e histórias em quadrinhos inspiradas em Bruce Lee. Curadoria de Francisco Ucha. 
Também em São Paulo, realização de mesa de debates sobre cinema, comunicação, cultura pop e artes marciais. Os participantes são: Jotabê Medeiros (jornalista, escritor e crítico musical), Marcelo del Greco (jornalista, editor de quadrinhos e mangás), Luiz Carlos Silva (professor de Kung Fu e Wushu Moderno, campeão brasileiro e sul-americano Wushu) e Getúlio Nardini Filho (professor, técnico e árbitro de Kung Fu, atleta da seleção brasileira de Kung Fu de 2011). Mediação do jornalista e crítico de cinema Celso Sabadin. 
O Festival Bruce Lee | 75 Anos acontece de 20 de novembro a 2 de dezembro (Exposição em São Paulo) e de 26 novembro a 2 de dezembro (exibições dos filmes em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Brasília, Curitiba, Porto Alegre e Florianópolis). 
O evento é uma realização da Sato Company em parceria com o Espaço de Cinema. Mais informações, programação completa e locais dos cinemas das capitais que exibirão os filmes, acesse o site BruceLeeBrasil

Festival Bruce Lee | 75 Anos
Exposição:
De 20 de novembro a 2 de dezembro de 2015.
Local: Saguão do Conjunto Nacional e Saguão do Cinearte
Avenida Paulista, 2073 – São Paulo
Entrada Franca – Classificação Indicativa Livre

Mesa de Debates
28 de novembro (sábado)
Local: Cinearte – R.Padre João Manuel, 100 loja 1 – Conjunto Nacional – São Paulo
Classificação Indicativa Livre

Exibições dos filmes
De 26 novembro a 2 de dezembro de 2015. (verifique site oficial do evento).

“Notas de um tempo silenciado” na Gibiteria


Na próxima quarta-feira, dia 28, às 19h, o quadrinhista Robson Vilalba, estará na Gibiteria em São Paulo, para um bate-papo e sessão de autógrafos de “Notas de um tempo silenciado”. A mediação será de Alexandre de Maio, quadrinista e jornalista especializado. 
A HQ “Notas de um tempo silenciado”, com roteiro e arte de Robson Vilalba, autor  vencedor do Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos, em 2014, aborda a época da Ditadura Militar no Brasil. Afinal, nem toda a história foi contada. Algumas permaneceram esquecidas, outras foram silenciadas… mas, nem por isso, apagadas da memória individual e coletiva da resistência o Golpe de 1964. 
“Notas de um tempo silenciado” apresenta um olhar profundo sobre aquele período, um mosaico de elementos que, em sua particularidade, revelam a cada capítulo, a cada traço, o que teria sido viver e sobreviver à ditadura e, hoje, poder contá-la. 
A HQ marcou a estreia do selo 8 Graphics, resultado da fusão entre a Editora 8INVERSO e a Edições BesouroBox, e possui um aguçado caráter jornalístico.

Gibiteria
Praça Benedito Calixto, 158 – 1º andar – Pinheiros
São Paulo – Brasil

Fonte: Impulso HQ

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Oficina gratuita de HQs em São Paulo

Com o objetivo de formar mais leitores, criadores e amantes das HQs, o quadrinhista Rodrigo Motta irá ministrar uma oficina gratuita sobre HQs dentro do programa Quadrinhos nas Zonas de Sampa, da Coordenadoria do Sistema Municipal de Bibliotecas de São Paulo. 
As inscrições já estão abertas e as aulas acontecerão na Biblioteca Álvaro Guerra em Pinheiros, às quintas-feiras, das 14h às 17h, com início em 29/10. É necessário fazer inscrição presencialmente ou pelo telefone (11) 3031-7784. Vagas limitadas.
Rodrigo Motta é artista visual, educador e pesquisador, atua em diferentes áreas, entre elas as Histórias em Quadrinhos, Graffiti, Publicações Independentes com a Motta Press e Intervenções Literárias com o Slam da Guilhermina – Batalha de Poesias.
Biblioteca Álvaro Guerra
Av. Pedroso de Morais, 1919 – Pinheiros
São Paulo – SP
(11) 3031-7784

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

‘The King of Fighters XIV’ sairá em 2016 para PS4


O game de luta ‘The King of Fighters XIV’ foi anunciado pela SNK Playmore para Playstation 4 com lançamento previsto para 2016. A empresa não apresentava um game inédito desde 2010. Pela primeira vez, os lutadores serão construídos em 3D, seguindo a tendência dos mais recentes “Mortal Kombat” e “Street Fighter V”, porém os cenários continuarão em duas dimensões.
O último jogo da franquia foi lançado em 2010, para  Xbox 360, PS3 e PC. A SNK não divulgou mais informações quanto ao game. Mas os fãs já podem conferir um teaser trailer do lançamento.


‘The Angry Birds Movie’: Primeiro teaser apresenta personagens


A animação ‘The Angry Birds Movie’ ganhou a primeira prévia. No vídeo, é apresentado os personagens principais e ainda mostra a chegada dos porcos à ilha.  O longa, que promete mostrar como o conflito entre os raivosos pássaros contra os porcos começou, tem estreia prevista para 20 de maio de 2016 nos EUA.
Adaptação do famoso jogo mobile, lançado em 2009, o filme é uma parceria entre a Sony Pictures e a Rovio Entertainment.  A direção está a cargo de Clay Kaytis e Fergal Reilly e o roteiro é de Jon Vitti  (Os Simpsons).


“Protocolo: A Ordem” apresenta novos super-heróis


“Protocolo: A Ordem”, álbum que reúne diversos heróis brasileiros em uma mesma história apresentou os novos integrantes. O Gralha (autoria de Jose Aguiar, Antonio Eder, Edson Kohatsu, Nilson Muller, Luis Kikuchi, Gian Danton), Penitente (Lorde Lobo), Escorpião de Prata (Eloyr Pacheco) Nilla Cheng – A Ninja (Michelle Ramos) e Catalogador (Lancelott Martins).
Tendo a produção do álbum já iniciada, os novos super-heróis terão uma participação menor na história. “Eles serão inseridos num contexto que abrange uma possível continuação”, disse Elenildo Lopes,   criador do super-herói Capitão R.E.D. e idealizador do projeto.
A impressão do álbum depende do alcance da meta, de R$13mil, da campanha de financiamento coletivo que busca angariar fundos para o projeto. Já foram atingidos mais de 35% do montante e os interessados poderão apoiar o projeto até o dia 24 de outubro, com pacotes a partir de R$25, que contam com várias recompensas.

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Primas: Uma HQ sobre putaria de um ângulo diferente


É difícil falar sobre a prostituição sem cair nos extremos de superproteção ou abominação dessas mulheres que exercem aquela, que segundo o velho clichê, é a profissão mais antiga do planeta. "Primas" já desperta imediatamente o interesse por ser um produto artístico fruto de um estágio pós-doutoral realizado pelo artista e pesquisador Alberto Pessoa na área de sociologia. A obra trata da prostituição em regiões pobres da Paraíba, e foi baseada em uma pesquisa mais extensa sobre o tema realizada pela professora Loreley Garcia, do departamento de Sociologia da Universidade Federal da Paraíba.
O álbum, com mais de 60 páginas, tem uma fluidez narrativa incrível. Eu o li em um só fôlego, extasiado pelo trabalho fenomenal de sombra e luz realizado por Pessoa, que investe nos contrastes absolutos, remetendo-me ao movimento estético do cinema expressionista alemão e a mestres dos quadrinhos como Henrique Breccia, Frank Miller e ao nosso grande Shimamoto, a quem a obra inclusive é dedicada. O desenho anguloso de Pessoa lembrou-me também o do espanhol Daniel Torres, mas Alberto possui já a marca indelével autoral em sua arte e mesmo diante dessas referências produz um trabalho visualmente original. 
As bases arquitetônicas, a indumentária e os traços e expressões faciais das personagens revelam-nos claramente o Nordeste brasileiro, mais especificamente o estado da Paraíba, palco de sua trama, e o artista afirma que a construção visual foi toda baseada em registros fotográficos, dando ainda mais fidedignidade ao cenário. A história é ao mesmo tempo forte e singela, regional e universal, humaniza devidamente a puta, personagem chave, apresentando-a como um ser humano como qualquer outro, complexo e paradoxal. Com essa obra ímpar, Alberto Pessoa se firma como um dos nomes emergentes da HQ brasileira. Que venham muitas outras!



Primas
Alberto Pessoa
Série Repertório, 22
Paraíba: Marca de Fantasia, 2015, 76p. Ebook em pdf. R$5,00.
ISBN 978-85-67732-39-8


Edgar Franco