sexta-feira, 29 de agosto de 2014

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

O FLAMA de Deodato Borges


FLAMA, um personagem do Quadrinho Brasileiro, publicado na Cidade de Campina Grande do Estado da Paraíba... No início dos anos 60, quando o produtor da Rádio Borborema, ZY07 (que funcionava no Edifício São Luiz),  o jovem de 25 anos, Deodato Borges, chefe das emissoras associadas, apresenta um programa que iria agradar ouvintes adultos e crianças: As Aventuras do Flama. O programa ia ao ar de 2ª a 6ª, às 13:00, chegando a mais de 2.200 capítulos...
A Hora do Flama fez muito sucesso na década de 60 e era na verdade um concorrente de outro programa também de aventuras— “Jerônimo, O Herói do Sertão”, retransmitido pela Radio Jornal do Comércio de Recife. O programa seguia a mesma receita de todos os programas do gênero, Tinha seus fã-clubes, carteirinhas do Clube do Agente Secreto do Flama que tinham livre acesso às dependências do auditório da Rádio, com sorteio de brindes, prêmios, etc..
Como quase todos os programas de aventuras no Brasil, terminou também em quadrinhos  As Aventuras do Flama, lançado em 1963, desenhada por Deodato Borges, também autor, apresentador e rádio-ator do seriado... 
O personagem, evidentemente, apresentava traços físicos do seu criador, como seu bigodinho típico... Foram lançadas duas ou três edições, hoje sem qualquer exemplar para registro, além de algumas páginas de acervos documentais.  Consta que foi impresso nas oficinas do “Diário da Borborema” e a primeira edição foi vendida como encarte do “Sesinho”. Na apresentação da primeira edição de As Aventuras do Flama, na página 5, no Bilhete dos Leitores:

“A revista que vocês estão começando a ler, neste momento, é um relato completo das minhas mais emocionantes aventuras, demonstrando, através das histórias em quadrinhos, que o crime não compensa e que,onde quer que haja um criminoso, aí estará um defensor da Lei, lutando para que se faça justiça.”

O herói tinha semelhanças com o personagem de Eisner, The Spirit... O Flama tinha no seu cast, o delegado Laurence, sua filha e namorada do Flama—Eliana e Bolão. O herói era um vigilante mascarado a serviço da justiça local, sempre convocado para elucidar os casos e situações perigosas, usava uma pistola e suas habilidades fora do comum para combater o crime. Não tinha poderes especiais mas na aventura contra o Dragão Vermelho, “o Flama suporta as queimaduras terríveis...”, ficando aqui um gancho, para quem sabe, desenvolver uma possível habilidade do “flama”(?!).


PARA LER ON LINE - AQUIhttp://issuu.com/scanscomics/docs/catalogador_0

Morre, aos 80 anos, o quadrinista Deodato Borges, criador do Flama

Ele morreu durante uma sessão de hemodiálise em hospital de João Pessoa.
Flama foi um dos primeiros super-heróis dos quadrinhos brasileiros.

Deodato Borges foi o criador do super-herói Flama (Foto: Divulgação/Brasil Comic Con)

Morreu em João Pessoa, aos 80 anos, o quadrinista Deodato Taumaturgo Borges, criador do Flama, super-herói originado em 1960 no rádio e lançado como história em quadrinhos em 1963. A morte foi constatada às 12h50 desta segunda-feira (25), em João Pessoa, durante uma sessão de hemodiálise em que Deodato teve duas paradas cardíacas. Na segunda, os médicos não conseguiram reanimá-lo. O sepultamento será às 16h de terça-feira (26), no cemitério Jardim Mangabeira, no bairro de mesmo nome.
Natural de Campina Grande, Deodato Borges foi um dos pioneiros das histórias em quadrinhos na Paraíba e o seu personagem, Flama, foi um dos primeiros heróis dos quadrinhos brasileiros, segundo a Brasil Comic Con. As presenças dele e do filho Mike Deodato Jr. estavam confirmadas para o 2º Brasil Comic Con, que vai acontecer em novembro em São Paulo.
Deodato Borges morreu aos 80 anos.
Mike Deodato Jr. informou sobre a morte do pai nas redes sociais. “O Flama morreu”, publicou. Tendo o pai como referência, Mike Deodato Jr. é ilustrador da Marvel e responsável por quadrinhos como “Os Vingadores”.
Segundo informações da nora de Deodato Borges, Ana Paula Falcão,  ele havia sido diagnosticado com câncer no sistema urinário há cerca de dois meses. Ele já estava há aproximadamente 15 dias internado em um hospital particular de João Pessoa e chegou a fazer uma cirurgia para retirar um dos rins na semana passada. Ainda de acordo com ela, ele estava tendo uma melhora significativa depois da cirurgia, mas não resistiu à segunda sessão de hemodiálise.
Com cinco edições publicadas, a revista As Aventuras do Flama foi a primeira do tipo criada na Paraíba. Além de criar o Flama, Deodato Borges foi um grande fomentador dos quadrinhos na Paraíba e chegou a ser diretor da Rádio Tabajara e Secretário de Comunicação da Paraíba.

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

“O Uso das Cores”, Livro de Cris Peter, será lançado em Setembro, durante a Gibicon

Segundo informações da Marsupial Editora, no próximo mês de setembro, durante o GibiCon (Convenção Interncional de Quadrinhos de Curitiba), será lançado o livro O Uso das Cores, de Cris Peter (Astronauta – Magnetar, Casanova).
O Uso das Cores apresenta o universo da colorização com uma linguagem simples e agradável, mas sem descuidar de todos os aspectos técnicos e teóricos fundamentais. O livro é destinado tanto a quem já trabalha na área de artes visuais (designers gráficos, quadrinistas, diretores de arte, publicitários, ilustradores etc.) quanto às pessoas que se interessam pelo tema, sejam ou não profissionais. A colorista Cris Peter aborda desde as ferramentas mais básicas de criação e uso da cor até assuntos avançados, como matiz, saturação, luminosidade, roda cromática, storytelling, profundidade,foco e diversos outros tópicos. Este livro vai ajudar a ampliar os conhecimentos de quem está começando na área e vai servir como “livro de cabeceira” para quem já é entendido no assunto.


Cris Peter nasceu em 1983, natural de Porto Alegre, onde ainda reside e presta serviços de colorização digital de histórias em quadrinhos para editoras norte-americanas como Marvel, DC Comics e Dark Horse. Formada em Publicidade e Propaganda pela PUCRS, já ministrou cursos na Quanta Academia de Artes, em São Paulo, na Joe Kubert School, em Dover (NJ, EUA), e em universidades como UniRitter e Senac (Porto Alegre), entre outras instituições. Também foi palestrante em eventos como o Festival Internacional de Quadrinhos, em Belo Horizonte, e a Feira do Livro de Porto Alegre. Foi indicada ao prêmio Eisner em 2012 por seu trabalho na série “Casanova”, escrita pelo americano Matt Fraction e desenhada pelos artistas brasileiros Fábio Moon e Gabriel Bá. Seu trabalho de colorização também pode ser visto na primeira Graphic MSP publicada pela Mauricio de Sousa Produções e Panini: “Astronauta: Magnetar”, com arte e roteiro de Danilo Beyruth e edição de Sidney Gusman.
O GibiCon ocorre entre os dias 4 e 7 de setembro no Museu Municipal de Arte (MuMA) de Curitiba.
A editora ainda avisa que mais informações sobre o livro serão divulgadas pela fanpage da editora no Facebook.
Sobre o Pres Release.


Quadrinhos – História Moderna de uma Arte Global

Narrando as últimas cinco décadas dos quadrinhos em todo o mundo – com aproximadamente 300 ilustrações retiradas de revistas em quadrinhos, comics, mangás, bandes dessinées, fumetti e historietas –, QUADRINHOS, de Dan Mazur e Alexander Danner, é revolucionário tanto em sua abrangência como em seu nível de detalhe. R. Crumb e Gabrielle Bell, Jack Kirby e Alan Moore, Moebius, Yumiko Oshima e Osamu Tezuka são só alguns nomes das centenas de artistas incluídos neste livro, o que faz dele uma obra sem precedentes. Este relato pioneiro integra a história dos quadrinhos na Europa, na Ásia e nas Américas desde 1968, em narrativa abrangente e de perspectiva global.


Segundo crítica publicada no Boa Informação, o livro é classificado como ÓTIMO, e há ao menos três acertos que diferenciam “Quadrinhos – História Moderna de uma Arte Global” de outras obras sobre o tema. O primeiro é a atualidade do livro, que chega ao Brasil poucos meses depois de ter sido lançado nos Estados Unidos.

Embora tenha como proposta fazer um relato histórico dos quadrinhos adultos, o que leva a um incontornável olhar pelo retrovisor editorial, a publicação não deixa de registrar também os trabalhos mais recentes, como é o caso de “Você É Minha Mãe?”, da norte-americana Alison Bechdel, lançado em 2012 —no Brasil, no ano passado, pelo selo Quadrinhos na Cia.

O segundo diferencial é o ponto de partida da exposição. Em vez de enveredar pela polêmica discussão de quando e onde os quadrinhos surgiram, os dois autores, Dan Mazur e Alexander Danner, optaram por iniciar a cronologia em 1968.

Por que esse ano? Porque é quando começam a ficar mais conhecidas as produções de Robert Crumb.

Expoente do chamado movimento underground, o desenhista norte-americano ajudou a construir uma nova abordagem narrativa. Com temáticas envolvendo sexo e drogas, ele colocou as revistas nas mãos de leitores adultos, algo até então inovador.

A análise histórica feita por Mazur e Danner, no entanto, não se restringe ao mercado estadunidense. Esse é o terceiro e talvez o principal acerto do livro. A dupla detalha movimentos semelhantes na Europa e no Japão, que pautam metade dos 19 capítulos da obra.

Como resultado, o livro cumpre o que promete no subtítulo: um relato contemporâneo de uma arte que não se limita aos Estados Unidos, como fazem crer muitos dos trabalhos publicados naquele país. Um conjunto de cerca de 300 imagens ajuda a compor o relato cronológico.

Apesar de uma das orelhas de “Quadrinhos – História Moderna de uma Arte Global” registrar que o Brasil é citado na obra, trata-se de menções bastante acanhadas, muitas delas registradas nas notas da tradução ou da revisão técnica. Isso limita um pouco a universalidade apregoada pelo livro.

Sobre o cenário daqui, cabe mesmo aos pesquisadores nacionais a tarefa de esmiuçar o tema. E a editoras como a WMF Martins Fontes a tarefa de abrir espaço para publicações que abordem também as histórias em quadrinhos do país, ainda tão carentes de uma obra de fôlego, como a de Mazur e Danner.

O livro tem 320 páginas, e custa R$ 89,00 na Livraria da Folha.

Outros Mundos

Outros Mundos é uma reunião de 50 desenhos de arte fantástica. Feitos a nanquim preto sobre papel branco. Há de tudo um pouco: mitologia, realismo fantástico, fatos da história, ovnis, terror,...enfim, uma miscelânea de temas transcendentais. Na verdade, um exercício pleno do ato de desenhar e da liberdade de criação.

Grandes autores como Mozart Couto, Rodval Matias, Mike Deodato, Sy Barry, Will Eisner etc., que influenciaram Angelo Júnior em toda a sua vida de desenhista e amante dos quadrinhos, estão homenageados ao longo dos desenhos, de uma forma bem original.

Enfim, uma viagem alucinante para o leitor, por mundos vertiginosos.

O álbum é vendido pelo site Clube de Autores, no qual o autor publicou os seus nove livros (literatura, quadrinhos e portfólio). Ele pode ser localizado pelo link a seguir ou pelo nome Angelo Júnior, digitado no campo de busca do site.


O álbum é apresentado em versão impressa ou e-book (pdf) e custam 26,81 e 10,76 respectivamente. No caso da versão impressa, há o acréscimo do correio, a não ser que o interessado retire pessoalmente. São 55 páginas, tamanho A4, papel 75 gramas. Acabamento parecido de uma revista.

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Pré-Lançamento Guerreiros de Hakan de Mozart Couto‏ pela Atomic

Prezados Amigos!
Mais uma ótima edição da Atomic do amigo Marcos Freitas. Obra do Mestre Mozart Couto é imperdível.

OFICINA IMPRENSA DE ILUSTRAÇÃO E JORNALISMO, EM SÃO PAULO!

A Oficina será realizada dia 18 de agosto (segunda), em São Paulo.
Com mais de 10 anos de atuação, mais de 3.000 profissionais de todo o Brasil participaram das oficinas IMPRENSA. Abaixo algumas informações complementares sobre a Oficina IMPRENSA de Ilustração no Jornalismo:
Fábio Marra, editor de arte da Folha de S.Paulo, vai discutir o espaço cedido à ilustração na mídia, promover uma reflexão sobre estilos e técnicas, e abordar de que maneira as novas tecnologias permitem explorar diferentes formatos e plataformas para a produção e divulgação de cartuns, charges, tiras e caricaturas. Saiba mais em http://www.oficinasimprensa.com.br/site/ilustracao_e_quadrinhos_no_jornalismo.asp
Promovidas pela IMPRENSA Editorial, as Oficinas IMPRENSA são oportunidades para a troca de experiências com grandes nomes da comunicação. Confira o calendário das Oficinas de agosto a dezembro. Acesse www.oficinasimprensa.com.br e faça já sua inscrição.

Conheça o Coletivo de Quadrinhos “Pirata Perna Curta”

O Coletivo  “Pirata Perna Curta” traz trabalhos dos artistas Brasilienses Thiago Fagundes, Lucas Feat, Mayra Corleonne, e Francisco Rafael, com tirinhas, quadrinhos, charges e diversas ilustrações que apresentam a máxima da arte independente, a liberdade artística.


Nesse universo temos as criticas cheias de humor e as ácidas, da mesma forma aquelas cheias de sensibilidade, musica e reflexão.
O coletivo tem um blog http://piratapernacurta.blogspot.com.br/ e uma página no Facebook onde atualizam com certa regularidade.


Não deixe de conferir e curte a Página do Coletivo!

Novas Oficinas Gratuitas do projeto Fanzines na Zonas de Sampa

As oficinas de histórias em quadrinhos são gratuitas e trabalham as técnicas de criação e produção de quadrinhos desde a elaboração do roteiro até o desenvolvimento do desenho e do texto. Ao final, cada turma monta um fanzine com as produções dos participantes. Os encontros são semanais com duração de três meses e carga horária total de 48 horas; se você perder o início das aulas ainda poderá se inscrever até o terceiro encontro diretamente na Biblioteca. As vagas são limitadas.

Mais informações nesse link:
http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/cultura/bibliotecas/noticias/?p=15584

sábado, 2 de agosto de 2014

Feira do Empreendedor no Ceará conta com espaço dedicado aos quadrinhos

A Feira do Empreendedor é um dos maiores eventos do SEBRAE – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. O Ceará recebe a sexta edição do evento no período de 5 a 9 de agosto de 2014, no Centro de Eventos do Estado.
O evento reúne no mesmo espaço informações sobre abertura de empresas, tecnologia, cursos, treinamentos direcionados para o desenvolvimento e estímulo à cultura empreendedora. A ideia é fomentar a geração de negócios por meio da exposição de oportunidades, produtos e serviços.
Tendo como um dos focos a indústria criativa, a Feira do Empreendedor contará com uma área de Economia Criativa, com uma programação destinada a diversos setores desta área, incluindo as histórias em quadrinhos.
Além de um dia de painéis e palestras voltados para profissionais de quadrinhos na Arena Criativa, o Espaço da Economia Criativa contará com a Loja Quadrinautas, uma revistaria modelo administrada pelo Fórum de Quadrinhos do Ceará, e realizará uma Rodada de Negócios de Ilustração e Quadrinhos, contando com a participação de sete editoras do Estado e três convidadas de São Paulo.
No dia 9, sábado, parte da programação do evento será voltada às histórias em quadrinhos.



Curso de quadrinhos para o mercado norte-americano em Goiânia

O quadrinhista Eduardo Menna (Red Sonja, Army of Darkness, Green Hornet) ministrará o Curso de Quadrinhos para o Mercado Americano, na Escola Gôiania de Desenho Animado, na capital de Goiás.
As inscrições estão abertas até 24 de agosto.
O conteúdo aborda anatomia, expressão corporal, drapejamento (dobras de roupa), luz e sombra, perspectiva, criação de cenários, interpretação de roteiro, referências visuais e composição de páginas.
Interessados podem conferir outras informações clicando aqui.


2013 – O Ano do Quadrinho Independente

O ano de 2013 parece ter sido o grande momento do Quadrinho Independente Brasileiro, e, eventos como o FIQ, comprovaram isso. Chegou até minhas mãos uma série de publicações – muitas delas já divulgadas aqui no ImpulsoHQ – por meio do intercâmbio que mantendo com vários editores, onde trocamos publicações e fazemos nossos trabalhos chegarem a públicos espalhados pelo Brasil. Para dar uma geral no que andei lendo, destaco algumas publicações a seguir:
Sonhos de Papel é uma compilação do material que Elton Carlos  veicula em seu blog com ação, aventura e fantasia. A publicação é totalmente colorida e pode ser pedida sob encomenda pelo Publique-se.
Sandro Andrade é um desenhista de mão cheia e se vira nas mais diversas linguagens das HQs. Em Salada Crua 1, Sandro mostra mais uma vez sua versatilidade e ainda abre espaço na publicação para feras como Saulo Moraes e Law Tissot.
A Ink Blood Comics de Fábio Chibiliski tem apostado na diversidade de publicações, além de já ter retomado a publicação de Chet, publicou o super-herói Ébano e o quadrinho de terror Anubis. Fábio promete mais novidades em breve.
Allan Goldman  é um desenhista de mão cheia e com trabalhos para o mercado norte-americano. Mas Goldman também toca seus projetos independentes com o grupo de super-heróis Comando 5. Tive a oportunidade de ler a edição 3 e 4 – esta última totalmente colorida – e recomendo.
Ói! 1 e 2 é uma publicação da Darcel Comics de Rodrigo Costa. A Ói! é um trabalho nos moldes de cooperativa, juntando uma galera que quer produzir quadrinhos e isto é o fato principal do trabalho deste pessoal de Aracajú/SE.
Sérgio Roda ou simplesmente Iéio toca um trabalho muito bacana com o Estúdio Iéio – Escola de Desenho. Além do curso, se aventura pela publicação independente, fazendo quadrinhos de humor de excelente qualidade. Iéio publicou duas revistas recentemente: Graficômetro Ilustrado e Beabá, onde além de seus trabalhos, mostra o trabalho de muita gente boa.
Caminho di Rato 6 é uma publicação de Mateus Moura com trabalhos da mais alta qualidade. Confira os colaboradores: Rosemário Souza, Elmano Silva, Edgar Franco, Gazy Andraus, Shimamoto e muitos outros. A revista ainda vem com duas capas e deve ser lida como duas revistas, sendo uma das partes dedicada aos quadrinhos poético-filosóficos.
Edgard Guimarães  é conhecido pelo suas belas edições, em especial o Fanzine QI, que já alcançou mais de 100 números. Após publicar uma série de depoimentos de fanzineiros no QI, Edgard resolveu compilar todos e publicou com o nome Memória do Fanzine Brasileiro. Edgard está de parabéns por esta publicação, que resgata a história de boa parte do fanzinato nacional e de pessoas que ajudaram a construir esta história.
Publicada em formato talão de cheque, Vida de Leiturista comemora os 10 anos de publicação das tiras de mesmo nome produzidas pelo desenhista e cartunista Karlo Campos. Tendo como base experiências pessoais do autor, Karlo mostra como é a vida de um leitor de energia elétrica, de uma forma real, mas bastante humorada, é claro.
Suplicio Diabólico e A Última Dose são publicações de Adilson Lima com um toque bem na linha do fanzine, feitas de forma artesanal e tal. As HQs de Adilson relatam fatos ligados à vida underground e os efeitos de drogas para contar histórias bacanas. As capas são fantásticas!
Depois de Tudo 1 e 2 são publicações de Wagner Michael. As revistas trazem HQs escritas por Wagner, em parceria com desenhistas de ótima qualidade, como Wendell Cavalcanti, Wanderline Freitas, Jefferson Dênis e Elton Thomasi. O texto aborda temas do cotidiano e existenciais da vida das grandes cidades.
Quer Dançar? de Guilherme de Souza é uma publicação bem caprichada. Tem formato comics norte-americano, embora seu conteúdo nada tenha em relação aos super-heróis, com capa colorida e toda em papel couchê. A HQ pode ser vista como um terror escatológico ou uma bem divertida história de amor. O traço de Guilherme tem um estilo cartunesco e ele utiliza bem os tons de cinza na HQ.
Fantasia 1 a 3 é uma série de Marcelo de Oliveira publicada pela UCM Comics. Formato comcis norte-americano, com capa colorida e miolo p&b, as revistas têm 20 páginas. A HQ enfoca o personagem Fantasia, uma entidade meio viva, meio morta, que está entre a realidade e a imaginação. Os desenhos de Marcelo têm uma pegada cartum e com momentos que lembram o mangá.

DOWNLOAD: MUNDOS COLIDEM #6


Maxi-série em 10 edições que reúne os maiores super-heróis das HQBs em um confronto para decidir o destino do nosso mundo contra as forças malignas de ÉREBO, ÊQUIDNA e NIX. Três criminosos vindos do futuro que se refugiam em nosso tempo buscando reestabeler seus poderes e iniciar seus planos de dominação. Nesta edição: Nossos heróis unem forças para derrotar ÊQUIDNA e quando tudo parece resolvido acontece o inesperado!

Download: http://www.mediafire.com/download/ma884cohf50avsm/Mundos+Colidem_Parte+6.rar

Para ler os capítulos anteriores é só clicar nos links abaixo:

PARTE 1
PARTE 2
PARTE 3
PARTE 4
PARTE 5

Boa leitura!